NOTÍCIA NA MIRA

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

ENTREVISTA COM FERNANDO BARROS DIRIGENTE DO CSA

Fernando Barros (Primeiro da direita para esquerda, curtindo A SEDE com seus amigos. (Fev. 2005)
A nossa amizade começou em 2005 quando eu ainda era proprietário do Bar e Restaurante a "SEDE" no Trapiche da Barra aqui em Maceió, onde Fernando Barros, hoje Vice Presidente Social do CSA e integrante do Departamento de Futebol Profissional, costumava ir com seus amigos torcedores do Azulão do Mutange. Eram tempos bons, como o próprio Fernando relatou na entrevista que o Notícia na Mira colocará a disposição do amigo internauta.
Entrevista recheada de assuntos pertinentes ao dia a dia do clube, sobre as reuniões que estão acontecendo a todo momento, planejamento da temporada 2015, possibilidade de contratações, escolinha de futebol do CSA e até mesmo um evento que irá acontecer para os torcedores do azulão neste mês lá no Mutange.

Nando da Super Bits, como chamava-mos na época do Bar, aproveita a oportunidade da entrevista para chamar o torcedor e os conselheiros a participarem mais efetivamente do clube ajudando no que for preciso, principalmente na parte financeira.

Então vamos lá, sem perder tempo, escutar a entrevista que fiz na tarde desta quinta-feira(19) para o Timaço da Gazeta.
O torcedor azulino tem que escutar.

Para ouvir basta CLICAR AQUI

Parabéns ao amigo Fernando pelo belo trabalho no CSA.
APOIO:

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

O QUE SERIA UM "GOLPE" TERMINOU VIRANDO UMA BELA "LAVAGEM DE ROUPA SUJA"

A Assembléia Extraordinária convocada pelo Presidente do SINDAFAL (Sindicato dos Árbitros de Futebol  de Alagoas), Charles Hebert Cavalcante, solicitada por um grupo de 31 árbitros do total de mais de 100 associados que iria acontecer na noite desta quarta-feira(17) no auditório principal do Estádio Rei Pelé virou uma reunião informal

Na verdade apenas 14(Quatorze) dos 31 (Trinta e um) associados que assinaram a tal lista compareceram a reunião, ratificando a tese que muitos realmente foram forçados a assinar tal pedido como já tínhamos denunciado em uma matéria anterior. 

Tendo em vista o cumprimento na integra do Estatuto do SINDAFAL em seu Artigo 24, paragrafo 2º que diz: "Deverão comparecer a respectiva Assembléia (Os associados que convocaram), sob pena de nulidade da mesma, a totalidade dos que a promoveram".
A diretoria através do seu Presidente deu por encerrada a reunião, que na verdade nem chegou a começar. 
Mais uma vez fica demonstrado que os que reivindicam seus direitos sem seguir o principio da legalidade, da moral e da ética, não sabem nem como proceder em uma situação como essa, estão mal assessorados e mal orientados por seus líderes.

Porém mesmo sem esta legalidade e demonstrando respeito a adversidade de opiniões e com o intuito de buscar o entendimento com seus membros, a Diretoria do Sindicato resolveu conversar com seus associados e esclarecer algumas situações. 
Era perceptível que existiam vários grupos dentro do mesmo grupo, como também existiam alguns que realmente estavam ali para lutar pelos interesses da categoria e pelos seus direitos, bem diferente de alguns outros que claramente estavam lá exclusivamente para defender os seus próprios interesses.
E foi justamente esses interessados em melhorar as condições do relacionamento entre o sindicato e seus associados que conseguiram dizimar as diferenças e chegar a um entendimento. 

Depois que as "cartas foram colocadas a mesa" finalmente se entenderam e resolveram que de agora em diante sindicato e associados andarão juntos em prol da arbitragem alagoana, chegando a conclusão que juntos são mais fortes e que ninguém fará nada para atrapalhar está integração, nem mesmo aqueles que tentaram lucrar com todo este desentendimento terão força para manipula-los novamente, mesmo usando o poder da coação. 

O que deu para perceber é que todos ficaram felizes, até mesmo os que queriam a todo custo que as eleições fossem antecipadas, mesmo o pleito sendo marcado para o segundo semestre de 2015 e não agora no início do ano como tinham certeza que aconteceria.

No final, ganhou a arbitragem alagoana, o Sindicato e seus associados. 
Achei muito importante tudo que aconteceu neste encontro. E como principais aspectos, os debates no campo das idéias, o respeito pelo próximo e a busca incansável das partes pelo entendimento. Foram esses os motivos que fizeram com que tudo terminasse bem.

Gostaria também de externar e agradecer a todos pela forma cordial que a reportagem do Notícia na Mira foi tratada, principalmente quando teve seu nome citado na reunião e lhe foi concedido o direito de também expor seus pensamentos sobre tudo que estava acontecendo, isso chama-se respeito pelo papel que desempenhamos nas melhorias da arbitragem alagoana, mesmo sabendo que não agradamos a uma boa parte quando expomos o que acontece verdadeiramente nos bastidores deste seguimento.  
Gostaria de reafirmar o que disse no auditório.
Estou a serviço da arbitragem e de seus princípios éticos, custe o que custar, doa em quem doer, pois não estamos atrelados a ninguém nem muito menos a merce de qualquer irregularidade ou submisso de quem quer que seja na hora de externarmos as verdades. Estaremos sempre do lado da ética, da moral e da decência, algo que acredito que um dia ainda verei novamente na arbitragem alagoana, pois acredito nela e na força dos justos. 

Acreditamos nesta nova fase, podem contar com o NM para o que for necessário. O Notícia na Mira é o único segmento da imprensa que acompanha a arbitragem alagoana em todos os momentos.
Parabéns a todos que estiveram presentes neste encontro, que acreditamos ter sido um novo marco na arbitragem de Alagoas, parabenizar também o Presidente do SINDAFAL, Charles Hebert e toda sua Diretoria pela brilhante postura democrática, principalmente quando três filiados sugeriram que o sindicato fizesse uma greve por causa das taxas dos campeonatos amadores que ainda não foram pagas.Charles e sua diretoria lembraram que nestes 7(sete) anos de administração do Gustavo Feijó na FAF, apenas este ano as coisas desandaram um pouco, mas que a Federação tinha crédito, e acalmou os ânimos afirmando que já estão providenciando este pagamento.Um posicionamento comungado pelo NM que também entende o momento da FAF, lhe dando total crédito, pois não será um ano que manchará a história desta administração em relação a pagamentos de taxas de arbitragem. Mas de qualquer forma continuaremos cobrando dos dirigentes da Federação a quitação deste pagamento.

"A arbitragem alagoana não poderá tomar um novo caminho se não conseguir uma união íntima da técnica e da moral. Já esta na hora de expurgar estes que não pertencem a este mundo, na verdade, já passou da hora de tira-los".


   Paulo Lira
    Editor do blog Notícia na Mira

APOIO:

2º SEMINÁRIO DO FUTEBOL ALAGOANO SERÁ NESTA SEXTA-FEIRA AQUI EM MACEIÓ

Será realizado nesta sexta-feira dia 19 de Dezembro às 19:00 horas na Faculdade IBESA, o segundo seminário do Futebol Alagoano.
O evento tem a finalidade de discutir a respeito do Futebol Alagoano, e desta feita, terá como temática : O Futebol nas escolas de Futebol.
Dentre os convidados o evento contará com a presença do Diretor do departamento amador da Federação Alagoana de Futebol, Sr. João Batista, com o companheiro radialista Marlon Araújo e o consagrado técnico de futebol Guilherme Farias das divisões de base do CRB.
A palestra de abertura será proferida pelo ilustre professor Dr. Eriberto Moura, que abordará o tema: Escolas de Futebol: o que foi o que é e o que será. 


Em seguida acontecerá a primeira mesa redonda que será coordenada pelo radialista Paulo Lira e terá como convidados os ex-jogadores e ídolos do futebol Alagoano Joãozinho Paulista, Peu, Ênio Oliveira e Silva.

A terceira mesa será coordenada pelo professor José Mário e será composta por alunos do curso de Pós-Graduação em Futebol da Faculdade IBESA, e abordará a temática: Escola de Futebol, novos conceitos para o ensino. 

O 2º Seminário é aberto ao público e consiste praticamente no encerramento das atividades do Futebol do ano de 2014, que segundo o coordenador José Mário “espera repetir o sucesso da versão anterior”.

Você não pode perder!

Gostaríamos de agradecer ao Coordenador e idealizador do evento, o Professor José Mário Tenório pelo convite e a confiança depositado em nosso trabalho.
Estou muito feliz de ter sido lembrado pela organização do Seminário, pois em outras edições, já passaram cronistas consagrados como o mestre Waldemir Rodrigues e Valmari Vilela. 
Será uma honra representar por alguns instantes a nova geração da crônica alagoana.
Obrigado pelo convite.
Abraço do PL.

APOIO:

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

PRESIDENTE DO CSA ROBERTO MENDES BATE PAPO COM O NOTÍCIA NA MIRA

Roberto Mendes, Presidente do CSA.
Assim como fizemos quando estávamos no CRB cobrindo o dia a dia do Clube de Regatas Brasil faremos agora também neste período que estamos substituindo o companheiro Warner Oliveira como setorista do CSA para a Rádio Gazeta AM de Maceió. Iremos trazer para o torcedor do "Azulão do Mutange" as entrevistas que estamos fazendo neste período.

E começamos nossa série de entrevistas com o Presidente Executivo do Centro Sportivo Alagoano, Roberto Mendes . Roberto fala dos projetos do clube, de como esta gerindo as questões financeiras, prestação de contas, do apoio dos conselheiros nesta nova etapa do Azulão e muitas coisas relacionadas ao clube. Esta entrevista foi concedida minutos depois da apresentação dos atletas e da Comissão Técnica que irá encarar a temporada 2015. O Presidente estava em uma reunião com a Diretoria de Futebol, conselheiros e alguns funcionários do clube, e começa falando do que se discutia neste encontro:

Para ouvir basta CLICAR AQUI
Você torcedor azulino não pode perder esta entrevista!
Boa audição!
APOIO:

ÁRBITRO DE FUTEBOL: BICO OU PROFISSÃO?

Presidente da Comissão Nacional de Arbitragem (Conaf), Sérgio Corrêa
O dilema da arbitragem brasileira coloca na mesma balança árbitros que ganham mais de R$ 100 mil em um Campeonato Brasileiro, outros que sequer entram no sorteio para as competições nacionais e uma realidade de atrasos e pagamentos abaixo de um salário mínimo. O tema é complexo e a discussão, antiga. Desde outubro de 2013, por decreto da presidente Dilma Rousseff, há um reconhecimento da profissão, mas, na prática, pouco mudou. O presidente da Comissão Nacional de Arbitragem (Conaf), Sérgio Corrêa, não vê chance de profissionalização sem a inclusão da tecnologia e avalia risco de surgimento dos "chinelinhos do apito" com salários para árbitros e assistentes. 
Marco Martins, Presidente da ANAF
O Presidente da Associação Nacional dos Árbitros de Futebol (Anaf), Marco Antônio Martins(foto), questiona o vínculo dos juízes com as comissões de arbitragem e Jorge Rabello, representante do Rio de Janeiro, fala em “utopia de profissionalização” enquanto a Lei Pelé não for aplicada às Consolidações das Leis Trabalhistas (CLT). 
São opiniões bem diferentes.

Um dos chavões mais antigos quando se debate a qualidade dos árbitros brasileiros, a cobrança pela profissionalização dos juízes e bandeirinhas está na boca de treinadores, jogadores, jornalistas e torcedores a cada rodada e cada erro nas partidas. A realidade, no entanto, mostra que há parcela representativa da classe que vive sim dos vencimentos do futebol. Em média, um juiz do quadro da Fifa ou da CBF apita de 15 a 20 jogos por ano no Brasileiro da Série A. A taxa nesses jogos pode chegar a quase R$ 4 mil por partida (veja o quadro com a comparação das taxas da arbitragem abaixo) e há finais de campeonato – o Carioca é um exemplo – que pagam até R$ 8 mil ao juiz.  
INFO - Salários da arbitragem no Brasil (Foto: Editoria de Arte)

Corrêa e Martins estão em lados opostos quando se discute os custos da profissionalização. Para o presidente da Conaf, “não tem federação que consiga bancar”, por exemplo, além de eventuais salários e passagens, centros de treinamento para capacitação dos árbitros e assistentes. Outra questão problemática para ele seria a logística para agrupar os árbitros de futebol.   

Jorge Rabello é Presidente da Comissão de Arbitragem da Federação de Futebol do Rio (Foto: Reprodução SporTV)
Presidente da Coaf-RJ, Jorge Rabello
O presidente da Coaf-RJ, Jorge Rabello, levanta outra questão: a legislação. Ele explica que, apesar do reconhecimento da profissão pelo decreto da presidente Dilma, não houve mudanças na prática. Ele acredita que a profissionalização só será possível a partir do momento em que os árbitros tiverem os mesmos direitos trabalhistas que os atletas.

É sem dúvida uma discussão que não
chegará ao fim nem tão cedo, mas que todos possuem um pouco de razão em suas colocações não podemos negar. Mas acredito que a persistência do Presidente da ANAF, Marco Martins, com uma boa e maleável ajuda do Presidente da C.A.CBF, Sérgio Corrêa, chegaremos a várias conquistas significativas neste ano de 2015. O NM acredita nisso, torce por isso.
Nm com globoesporte.com
APOIO:

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

AMIGO ÁRBITRO, VOCÊ ESTÁ ATUALIZADO? E VOCÊ CRONISTA CONHECE A REGRA DO FUTEBOL E AS NUANCES DA ARBITRAGEM?

Quantas vezes você já contestou a marcação de um árbitro? Quantas vezes o xingou? Em algum momento você pensou em todos os detalhes da regra que o juiz tem que saber em frações de segundos tendo uma arquibancada inteira gritando no seu ouvido? Não?

O futebol brasileiro parou em 2014, mas o Notícia na Mira não deixa a peteca cair, e vem através do site Globoesporte.com/RJ ajudar a manter a "cuca" dos amigos árbitros e dos cronistas esportivos(caso saibam) refrescada. 

Apesar de saber que neste período muitos árbitros estão apitando "rachinhas" e campeonatos de várzea nas suas regiões, não custa nada ajudá-los a lembrar das regras
do jogo lhes disponibilizando este belo teste elaborado pelo Coordenador da Comissão de Ensino da Coaf-RJ, Sérgio Cristiano Nascimento.
Você pode acessar o teste e suas 20 perguntas CLICANDO AQUI
Bom teste para todos!
APOIO:

sábado, 13 de dezembro de 2014

NOVOS ÁRBITROS BRASILEIROS DA FIFA FAZEM CURSO INTERNACIONAL NA CONMEBOL

Foto: Néstor Soto

Com  presença do Presidente da CONMEBOL, Sr. Juan Angel Napout, começou neste sábado(13) o curso para árbitros e assistentes do quadro internacional. O encontro que conta com 33 participantes dentre eles árbitros e representantes das 10 Federações membros da entidade sul-americana, terá aulas práticas e trabalhos com as "famosas" Trivias em Espanhol e Inglês, além de testes físicos e de velocidade.

Este curso é muito importante, ele patrocinou o Programa de Assistência à Arbitragem da FIFA, mais conhecido por sua sigla em Inglês RAP (Programa de Assistência Refeeeing).

Entre os palestrantes do seminário estão os Srs. Carlos Alarcon (Pres. Dos árbitros Comitê CSF), Rodolfo Sibrian (instrutor FIFA), Abel Gnecco (Comité de Arbitragem), Wilson Seneme (Comité de Arbitragem), Ricardo Casas (Instrutor FIFA) e Ernesto Filippi (Comité de Arbitragem). Wilson Luiz Seneme, integrante da Comissão de Arbitragem da Conmebol. Árbitros: Anderson Daronco (FIFA-RS), Dewson Freitas (FIFA-PA), Luiz Flávio de Oliveira (FIFA-SP), Raphael Claus (FIFA-SP), Assistentes: Guilherme Dias Camillo (FIFA-MG) e Neuza Ines Back (FIFA-SC), são os  representantes  da arbitragem brasileira no evento.
Parabéns aos novos árbitros brasileiros do quadro internacional em especial ao amigo Dewson Freitas do Pará(foto), gente da melhor qualidade e que chegou a FIFA por meritocracia. Diga-se de passagem um dos poucos.

Aos demais, o meu abraço e respeito. Aproveitem.
APOIO:

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

PROJETO "ATLETA SOLIDÁRIO" SERÁ DIA 20 DE DEZEMBRO

A décima quarta edição do projeto Atleta Solidário, que este ano tem como tema “jogando a favor da vida ! ”, será realizada no dia 20 de dezembro, a partir das 8 horas, no ginásio de esportes do colégio Madalena Sofia, no Farol.
O projeto Atleta Solidário foi criado em 18 de dezembro de 2003, graças à iniciativa do judoca alagoano Eduardo Acioli, que, as vésperas do Natal daquele ano, satisfeito com a sua ascensão esportiva, lembrou-se dos ensinamentos de sua mãe – que sempre lhe pedia para não esquecer os mais necessitados e de sempre ser grato pela qualidade de vida que conquistara. 
O objetivo do projeto é arrecadar alimentos  através de uma partida festiva de futsal a serem doados para instituições de caridade de Alagoas, como o Lar e Abrigo de Idosos São Vicente de Paula, Associação dos Hemofílicos de Alagoas, entre outras, cujo trabalho social é reconhecido em todo o Estado. Este ano, em especial, o referido projeto irá incentivar, também, a doação voluntária de sangue, por isso o tema “Jogando a favor da vida” !  Você já pode participar dessa inciativa procurando o Hemoal ou Hemopac.   No dia do jogo, haverá um carro do Hemoal para levar  os atletas  até a sede da instituição.
A entrada  para assistir aos jogos são dois quilos de alimentos não perecíveis. No ano passado, foram arrecadadas e distribuídas mais de uma tonelada de alimentos. Esse ano, a expectativa é de que a quantidade arrecadada seja superior.
Participam do projeto 50 atletas de diversas modalidades esportivas, como judô, jiu-jitsu, caratê, vôlei, natação, a equipe de corredores Salada de Frutas, Ciclistas Corredores, Projeto Barrinha, a equipe de futebol Americano Maceió Marechais, todos jogando futsal em prol da solidariedade. Patrocínio: Pacto Engenharia e Grupo Mibasa. Apoio: Colégio Madalena Sofia, Paes Soccer, Exército Brasileiro e cursilho de Cristandade.
APOIO:

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

ARBITRAGEM DO FUTEBOL AMADOR DE ALAGOAS ESTÁ SEM RECEBER DESDE O INICIO DO ANO


O que está acontecendo com a Federação Alagoana de Futebol que não vem honrando seus compromissos financeiros com a arbitragem alagoana?

Tenho recebido muitas mensagens que afirmam que as taxas de arbitragem do futebol amador do Estado não foram efetuadas desde o inicio do ano. Já passou o sub-15, 17, 20 e
o campeonato feminino e as taxas também não foram pagas.
Um ano atípico para a Federação e seu Departamento Amador, pois desde que o Presidente Gustavo Feijó assumiu a FAF em 2007 que rigorosamente tudo vinha sendo pago em seus vencimentos.

Procuramos o sindicato dos árbitros para saber o porque de tanta passividade da entidade em relação a este episodio, mas o Presidente Charles Hebert se limitou a dizer apenas que estava esperando a data prevista pela Federação, que seria após o pleito eleitoral de Outubro, só esqueceram de dizer a ele o ano que seria feito o pagamento. 

Se essa categoria fosse unida já estaria pensando em paralisar as suas atividades no inicio da temporada e como gostam de fazer LISTAS, deviam providenciar uma dessa: 
"ASSINEM AQUI, NINGUÉM TRABALHA NO ALAGOANO 2015" 
Colocando aqueles árbitros que estavam com o carro da Prefeitura de Maceió e os "chefes" destas Listas na frente da Federação com apitos, cartazes e uma charanga. Mas uma dessa não sai não, até porque não interessa ao presidente da CEAF. 
Mas bem que eu queria ver esses "calças frouxas" fazendo um piquete na porta da FAF.

Fomos atrás também do Vice Presidente de Futebol Amador da FAF, João Batista, e ele disse que esta esperando os proventos para regularizar a situação, só não estabeleceu uma data.

Não acredito que esta gestão deixará essa situação desta maneira, pois uma das

qualidades do atual Presidente da FAF, Gustavo Feijó(foto), é pagar religiosamente o seus compromissos em dia, sem contar que é de longe o dirigente que mais investiu em arbitragem na história da Federação Alagoana de Futebol , só o fato de em todos estes anos nunca deixar de pagar uma só taxa de arbitragem já o credencia para os elogios. Não podemos esquecer também que o Gustavo foi o primeiro Presidente de Federação no país a realizar o contrato de trabalho junto ao Sindafal (Sindicato dos Árbitros de Alagoas) respeitando a Lei 12.867 (Profissionalização da Arbitragem) no Campeonato Alagoano deste ano(2014).

Por isso acredito que esta pendenga deve está se resolvendo o mais rápido possível.

Estamos acompanhando o caso e tentando junto a FAF um entendimento para poder ajudar os combalidos árbitros de Alagoas. 

APOIO:

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

PENDURANDO A BANDEIRINHA ANTES DO TEMPO

Recebemos no inicio da noite desta terça-feira(9) a notícia que o Árbitro Assistente sergipano Ivaney Alves de Lima, aos 43 anos, estaria deixando a arbitragem profissional para dedicar-se apenas a Associação de Árbitros Profissionais de Futebol do Estado de Sergipe, a AAPF/SE, onde está Presidente. O "Bandeirinha" também teria alegado como motivo principal da sua saída da arbitragem o fato de esta muito ausente do ceio da sua família e que isso estaria afetando diretamente na sua vida de forma negativa.

Ivaney que pertence ao quadro Nacional a mais de 15 anos dentre os seus 19 de arbitragem, completou em 2014 quarenta e três(43) jogos pela série "A", com incontáveis participações nas demais séries do Brasileirão, sendo eleito pela crônica esportiva sergipana por sete vezes o melhor assistente do Sergipano de Futebol, números que marcam uma carreira vitoriosa de um árbitro assistente que esta em um Estado que não possui uma representatividade atuante no cenário futebolístico brasileiro.

Esta decisão de "abandonar" os gramados deixou os seus amigos de profissão surpresos, já que Ivaney ainda teria dois (2) anos pela frente dentro da arbitragem.E ela se fez através de um comunicado oficial endereçado a Federação Sergipana de Futebol encerrando a sua carreira. O NM teve acesso a parte deste documento que dizia assim:



Caros amigos


Através da presente carta comunico que por motivos estritamente particulares, estou me desligando do quadro de árbitros profissionais de futebol. Foram muitos e felizes anos de atuação na arbitragem profissional. São 19 anos de atuação no quadro local e 15 anos de atuação no quadro nacional/CBF.   
Aproveito a oportunidade para agradecer a parceria dos colegas que trabalharam ao meu lado arduamente dentro das quatro linhas, nessa nobre função, indispensável para o esporte que é a paixão nacional, o futebol.
Encerro mais um ciclo de minha vida com a sensação do dever cumprido, e com a consciência tranquila de quem carrega a marca de uma atuação transparente, que buscou auxiliar a todos indistintamente. 
Permaneço trabalhando em prol da arbitragem à frente da AAPF/SE. Agora com muito mais afinco e dedicação em função da dedicação exclusiva.
Renovo meu desejo de sucesso a todos e reafirmo meu compromisso de lutar por melhorias para os profissionais da arbitragem à frente da Associação de Árbitros profissionais de Futebol do Estado de Sergipe.


Ivaney Alves Lima


Ivaney e Cel. Marcondes

Esta aí mais uma carreira chegando ao fim precocemente. Fala-se lá para as bandas de Aracaju que o principal motivo para a sua saída teria sido um desentendimento com o atual Presidente da Comissão, Coronel Marcondes, com quem sempre teve uma relação estreita e fraternal. Mas isso agora pouco nos interessa, não vem ao caso. 

Certo mesmo é que a arbitragem sergipana sentirá a sua falta dentro dos gramados, já fora deles a  vida na arbitragem continua, desta vez cuidando dos interesses da sua categoria como Presidente da Associação de Árbitros, entidade hoje que representa os árbitros sergipanos na ANAF e no Brasil.

Desejamos ao Ivaney toda felicidade do mundo nesta sua nova fase dentro da arbitragem Brasileira. 
Abraço do PL.


APOIO:

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

POR FAVOR NÃO CREDITEM A QUEDA DO ÊNIO AO NOTÍCIA NA MIRA

O esperado aconteceu. Ênio Oliveira não é mais técnico do CSA, na verdade nunca foi, por mais que as pessoas mais próximas quisessem forçar esta situação, o "professor" nunca fez parte deste contexto, estava lá por uma imposição de quem de longe "comanda", ou achava que comandava. Bastava passar uma tarde no Mutange para entender o que estou dizendo.
Não que o mesmo não tenha qualidade, pelo contrário, se perde apenas em sua forma de agir. Seu temperamento forte as vezes chega a ser mal educado, não são todos que toleram ignorância.
É amigos, errei feio, me precipitei. Talvez pela ânsia da informação instantânea tenha cometido um deslise em anunciar um preterido técnico pela atual gestão azulina, que não só tratava com o treinador que citei como também com o ex-ASA, Leandro Campos na mesma época. Isso é que dá saber dos bastidores antes de muitos. De uma próxima vez postarei com mais cuidado e responsabilidade. Prometo.

As vezes na nossa carreira cometemos erros, e não poderia ser diferente comigo. Nesta semana que passou, precisamente no dia 3 de Dezembro, recebi um telefonema de um amigo cronista de Salgueiro que me informava que o ex-técnico do Carcará, Fernando Alcântara, NO QUAL SOU FÃ INCONDICIONAL DO SEU TRABALHO, estava negociando com o CSA para assumir o cargo de técnico. No afã de noticiar está informação com celeridade, fiz uma matéria no meu blog onde causou um furdunço dos diabos em minha rede social, até de anti-ético e torcedor do CSA me chamaram, não sei até agora se o pior foi errar antecipando uma possível saída de um treinador que já estava fora a muito tempo, como eu disse lá em cima, ou em ver um amigo cronista não saber exatamente se na hora que estava a defender a permanência do mesmo em seu factoide cargo, estava sendo cronista ou ente-querido, defendendo com unhas e dentes o posto do seu  parente como se fosse a última gota d'água do deserto. Mas o correto mesmo é dizer que errei, e errei mesmo. Deixa isso para lá.

Meu único consolo é que quando postei a matéria já sabia que o técnico não duraria muito em seu posto, pois já estavam negociando com outros profissionais antes mesmo de comunica-lo da demissão, a culpa não foi minha. Só não soube dizer o que estava acontecendo. Por isso venho mais uma vez pedir desculpa ao Ênio pelo deslize e também a grande nação azulina pela "barrigada".
Por favor, não creditem a "queda" do treinador Ênio Oliveira ao Notícia na Mira. Nós só não soubemos nos expressar, coisa que jamais irá acontecer novamente, pois costumamos aprender com os nossos erros.

Mas acreditem em uma coisa. 
Jamais tive a intenção de causar algum mal ao treinador nem muito menos tira-lo de seu "trono" com a minha postagem equivocada, pois não tenho o direito nem mesmo o poder para isso, mas como disse lá no post da rede social do nosso Facebook:
"Se tivesse esse poder, já teria o feito a muito mais tempo, por tudo que já falei".
Não é nada pessoal. Também tenham certeza disso.

E não é que ia esquecendo de dizer o nome do treinador contratado. Farei melhor, vou dar crédito ao amigo e companheiro Alberto Oliveira do site www.esportealagoano.com , por ter sido o primeiro a noticiar aqui na internet o novo treinador do "Azulão do Mutange" visando a temporada de 2015. Acessem a notícia CLICANDO AQUI . 
Parabéns Alberto pelo furo de reportagem.

APOIO:

domingo, 7 de dezembro de 2014

SEM TETO: SEDE DA FAF É LEILOADA PARA PAGAR DÍVIDAS

Chega a ser difícil de acreditar, mas é a pura verdade. Com uma dívida ativa de quase 4 milhões de Reais a Federação Alagoana de Futebol se ver obrigada a começar a se desfazer de seus bens para poder tentar amenizar seus problemas com os seus credores. Mas nem se vendesse tudo que possui (Sede na rua Zacarias de Azevedo, o terreno conhecido por "Pai Manu" e o estádio Cleto Marques Luz) conseguiria sanar a sua dívida.

Acontece que tem coisas que não podem esperar, foi o que aconteceu com sua sede administrativa. Para pagar dívidas trabalhistas e o INSS, débitos de antigas gestões, a "Casa do Futebol " foi leiloada nesta última semana por o equivalente a quase 400 mil Reais, valor esse que esta sendo contestado pelo Presidente Gustavo Feijó por esta bem abaixo de uma avaliação efetuada a algum tempo. Segundo Gustavo, a sede da FAF vale mais de 1 milhão de Reais, e esse valor arrematado não condiz com a realidade da valorização imobiliária de sua localização. 

Mas certo mesmo é que a atual gestão terá que desocupar o imóvel até o dia 31 de Janeiro de 2015 depois de ter feito um acordo com o arrematador.Temos informações que o atual Presidente, diante desta situação, não perdeu tempo e já alugou um imóvel no bairro do Trapiche da Barra onde alojará a nova sede. Gustavo tenta também junto a CBF a aquisição de uma novo prédio ou até mesmo de um terreno para a construção de uma nova casa. 
Sede da FAF, rua Zacarias de Azevedo,
Centro de Maceió
Infelizmente essa é uma notícia muito ruim para o nosso futebol, mas é a pura realidade. 

A Federação passa por um momento muito difícil financeiramente falando, vejam vocês, que desde que assumiu o seu mandato, Gustavo Feijó, nunca atrasou se quer uma taxa de arbitragem, mas neste ano de 2014 a coisa desandou, pois até agora os árbitros que trabalharam no futebol amador ainda não receberam seus vencimentos referentes aos jogos do sub-15, 17 e 20 que já encerraram as suas atividades a mais de três meses. O que esta acontecendo com a "Casa do Futebol" eu não sei, mas sei que isto ai é assunto para uma outra postagem.

APOIO:
FOTOGRAFIA PROFISSIONAL

sábado, 6 de dezembro de 2014

ENTREVISTAS ESPECIAIS QUE O NOTÍCIA NA MIRA REALIZOU NA PRÉ TEMPORADA DA ARBITRAGEM PERNAMBUCANA

A Assistente Aspirante FIFA, Fernanda Colombo também participou do evento.

O Notícia na Mira acompanhou a pré temporada dos Árbitros de Pernambuco que aconteceu nos últimos dias 3,4 e 5 de Dezembro em Recife. Uma preparação digna de grandes centros do país devido a estrutura que foi montada pela CEAF e o Sindicato dos Árbitros de PE.

De volta a nossa querida Maceió troucemos na bagagem uma série de entrevistas que fizemos na "Veneza Brasileira".
Nos bate papos, conversamos com os Instrutores da CBF, Alício Pena Júnior e Ana Paula Oliveira, o Preparador Físico da CEAF-PE, Jailton Santos, com os árbitros Marcelo de Lima Henrique e Fernanda Colombo recém integrados a Federação Pernambucana de Futebol e sua Comissão presidida por Salmo Valentim. 

Vamos disponibilizar todas essas conversas agora aqui no NM:
Árbitro Marcelo de Lima Henrique - Para ouvir CLIQUE AQUI
Instrutor da CBF, Alício Pena Júnior - Para ouvir CLIQUE AQUI
Preparador Físico dos Àrbitros de PE, Jailton Santos - Para ouvir CLIQUE AQUI
Instrutora da CBF, Ana Paula Oliveira - Para ouvir CLIQUE AQUI
Árbitra Assistente, Fernanda Colombo - Para ouvir CLIQUE AQUI

Boa audição!
APOIO:

sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

O NOTÍCIA NA MIRA ACOMPANHOU A PRÉ TEMPORADA DOS ÁRBITROS PERNAMBUCANOS VISANDO A TEMPORADA 2015

A Federação Pernambucana de Futebol através da sua Comissão de Arbitragem realizou nestes últimos três dias(3,4 e 5 de Dezembro) o término de sua Pré-Temporada visando o inicio do Campeonato Alagoano que já começa neste Domingo (7 de Dezembro), a mesma durou 30 dias aproximadamente como nos passou em entrevista o Presidente da CEAF-PE, Salmo Valentim.

O NM esteve nestes três dias acompanhando como esta preparação foi elaborada pela Comissão, que contou com a participação efetiva da Comissão Nacional, C.A.CBF, que disponibilizou a FPF os instrutores , Alício Pena Júnior e Ana Paula Oliveira, para ministrar palestras de Trivias e movimentação no campo de jogo, sem contar também a participação da Dra. Marta Magalhães, Psicologa da entidade para acompanhamento psicológico e motivacional para os árbitros pernambucanas. Nestes dias o quadro foi submetido a testes físicos, mentais, e de estratégia de jogo.

Pernambuco se tornou a Federação que mais investe em arbitragem no país, contratando vários profissionais de apoio aos árbitros, a CEAF-PE conta hoje com um Preparador Físico(Jailton Santos), uma Psicologa(Barbara Gaio), uma Assistente Social(Neide Zadan) e agora também com uma Nutricionista Esportiva, a Dra. Roberta Costi. É ou não é uma Comissão estruturada?

Dr. Evandro Carvalho, Presidente da FPF
Voltando a falar das atividades que começaram na quarta-feira(3) nas dependências do Estádio do Arruda em Recife, elas contaram com a participação de 32 árbitros e 24 assistentes, dentre eles os recém contratados, o árbitro central Marcelo de Lima Henrique, que veio da Federação Carioca e a assistente Fernanda Colombo que este ano trocou a Federação Catarinense de Futebol pela Pernambucana. 
Pernambuco é pioneiro neste tipo de atividade que começou com a chegada do árbitro FIFA, Sandro Meira Ricci, que este ano deixou a arbitragem de PE se transferindo para a CEAF de Santa Catarina.

Treinamentos teóricos também foram realizados na sede da Federação Pernambucana de Futebol e contaram com as boas vindas do Presidente da FPF, Dr. Evandro Carvalho e com a presença do Diretor de Competições, Murilo Falcão.
No último dia o Vice-Presidente da C.A.CBF, Nilson Monção representou a CBF e o Presidente da Comissão, Sérgio Corrêa que por questões pessoais não pode comparecer. 

E no final de tudo, um bate papo na FPF sobre tudo que foi feito na pré temporada para encerrar as atividades. Ou será que agora é que começou? 

Algumas fotos desta Pré-Temporada:
Os Contratados, Marcelo de Lima Henrique e Fernanda Colombo
Treinamento da Arbitragem no Estádio do Arruda
Instrutores da CBF, Ex-Árbitro FIFA, Alício Pena Júnior e a 
Ex-Árbitra Assistente FIFA, Ana Paula Oliveira
Francisco Domingos e Erich Bandeira integrantes da CEAF-PE
Salmo Valentim, Presidente da CEAF-PE
Treinamento da Arbitragem no Estádio do Arruda
Murilo Falcão, Diretor de Competições da FPF
Nilson Monção, Vice-Presidente da Comissão de Arbitragem da CBF
A sempre simpática, Dra. Marta Magalhães, Psicologa da CBF
Dra. Barbara Gaio (Psicologa), Neide Zaidan (Assistente Social) 
e o Preparador físico, Jailton Santos

AGRADECIMENTO
A Pré Temporada dos árbitros pernambucanos terminou, e mais uma vez estamos agradecendo a todos que receberam a reportagem do Notícia na Mira com muito respeito e carinho. Um agradecimento especial ao Presidente da Comissão Estadual de Arbitragem, Salmo Valentim, pela recepção de sempre e também a todos que fazem parte da CEAF-PE, sem esquecer dos árbitros e todos funcionários da FPF

Fico muito Feliz de esta aqui na minha terra acompanhando este bom momento da arbitragem pernambucana.
Muito obrigado.

Obs: Para acompanhar todas as fotos do evento basta acessar a página social Facebook do Notícia na Mira.
APOIO: