NOTÍCIA NA MIRA

segunda-feira, 4 de maio de 2015

LISTA DA RENAF AL 2015 TEM TRÊS NOVIDADES E DUAS RESSALVAS

Muitos não sabem o que é a RENAF, mas o NM está aqui para justamente tirar estas dúvidas dos amigos internautas e de boa parte da crônica esportiva de Alagoas. RENAF é a relação dos árbitros, assistentes e assessores do quadro Nacional da CBF. É nesta lista que ficamos sabendo quais árbitros participarão dos campeonatos promovidos pela entidade no ano corrente. 
A relação divulgada pela Confederação Brasileira de Futebol, através da sua Comissão de Arbitragem é prerrogativa das CEAFs locais, são exatamente os Presidentes de Comissões Estaduais que indicam os árbitros que devem entrar ou sair do quadro Nacional.
Pois bem, dito isso vamos as novidades da lista deste ano para Alagoas.
Flávio Feijó de Omena, comentarista de arbitragem da TV Gazeta (Foto: Reprodução/Facebook)
Enfim o pedido de anos do NM foi atendido, a muito tempo vinhamos cobrando que a terceira vaga de Assessor fosse ocupada em Alagoas, mas a Comissão local era contrária ao preenchimento da vaga, até que no ano passado depois da ordem dada do então Presidente da FAF, Gustavo Feijó, ao atual Presidente da CEAF, Hércules Martins, meio que obrigado fez a indicação e o envio do nome do ex-árbitro a C.A.CBF. Com isso a solicitação com o nome de Flávio Feijó de Omena foi enviada e hoje o Comentarista de Arbitragem da Tv Gazeta(Tv Globo), finalmente esta homologado pela C.A.CBF o que torna o ex-apitador o mais novo Assessor de Arbitragem de Alagoas.
Parabéns ao Flávio e a Comissão de Arbitragem de Alagoas, apesar de tudo.
Dênis Ribeiro Serafim e Brígida Cirilo

As outras novidades da lista estão na aparição dos nomes do Árbitro Central Denis Ribeiro Serafim e da Assistente Brígida Cirilo que aparecem no CBF-3, aqueles nomes que estão com restrições com a Corregedoria, segundo informações, eles teriam sido incluídos na lista para apreciação da Corregedoria da CBF de forma ilegal, por não preencherem os requisitos básicos para admissão imediata no quadro Nacional, Denis e Brígida não possuem as 220 horas aulas exigidos pela C.A.CBF, pois seus cursos de arbitragem realizados na "Escolinha do Tio Hércules" eram de 160 horas apenas. No caso do Denis ainda tem um outro agravante, mas não tivemos informações concretas do que se trata, por isso não podemos divulgar. 
A documentação continua sendo analisada pela Corregedoria e esperamos que em breve seja dado um parecer definitivo através da C.A.CBF desses dois casos.

Não é a primeira vez que a Comissão de Arbitragem de Alagoas tenta colocar árbitros de forma irregular no quadro da CBF, pelo menos foi o que disse a matéria do Blogueiro Marcelo Marçal do site Apito Nacional em 2012 quando denunciou que José Ricardo Laranjeira e José Reinaldo Figueiredo teriam sidos indicados pela CEAF-AL de forma irregular. Na matéria do Blogueiro, o Presidente da CEAF-AL também tenta explicar o porque nunca indicou o terceiro Assessor de AL.
Acompanhem a matéria CLICANDO AQUI
Muito legal também foi ver o nome de Otávio Correa de Araújo Neto, o Assistente da CBF, completa em 2015, 45 anos e seu nome era dado como certo para ser substituído pela CEAF. Parabéns ao Otávio pela permanência.

Vejam agora parte dos documentos oficiais divulgados pela CBF. Se você quiser acompanhar o documento na íntegra CLIQUE AQUI.
O QUADRO FICOU ASSIM:
* Dênis e Brígida ainda não aparecem na lista oficial com suas respectivas fotos e informações

Boa sorte aos novos árbitros e também aos remanescentes.
APOIO:
ACADEMIA MOVE +

ATÉ 2016, UMA PARCERIA QUE DEU CERTO

Massagueirinha Plus
É com muita satisfação que estamos aqui para anunciar a renovação da parceria por mais um ano entre o Restaurante/Chopperia  Massagueirinha e o Notícia na Mira.
Um dos mais conceituados estabelecimentos comerciais de Alagoas do ramo da gastronomia, vê no NM um grande meio de divulgar os seus belos pratos e serviços não só a nível local mas também em âmbito Nacional.
Desde já agradecemos ao empresário Pedro Tenório a confiança depositada em nossos serviços de divulgação e  em esta veiculando e agregando o nome de sua empresa na internet através desta canal de credibilidade no desporto alagoano.
Prometemos honrar esta confiança divulgando a sua marca como sempre fizemos ao longo destes últimos três anos.
Obrigado família Massagueirinha.

sábado, 2 de maio de 2015

CONHEÇA UM POUCO DOS ÁRBITROS QUE IRÃO COMANDAR AS FINAIS DO ALAGOANO 2015

O Notícia na Mira nesta reta final de campeonato Alagoano de 2015 vem através desta matéria trazer um pouco da carreira dos árbitros centrais que irão comandar as duas grandes finas da competição envolvendo o Coruripe e o CRB que já começará neste final de semana.
O primeiro confronto acontecerá neste domingo(3) no Estádio Gérson Amaral na cidade de Coruripe e terá arbitragem central de José Ricardo Laranjeira.
José Ricardo Laranjeira
Idade: 30 anos
Está árbitro da FAF desde 2004 e da CBF desde 2013.
Natural de Santa Luzia do Norte/AL
Professor de Educação Física
Laranjeira trabalhou em seis jogos neste segundo turno do Alagoano, deu 23 cartões amarelos e 4 vermelhos. Dentre estas seis partidas temos um empate e cinco vitórias das equipes mandantes.
Confira os jogos e suas respectivas rodadas:
Estádio Edson Matias - Olho D'Água das Flores - CEO 0 x 0 Santa Rita - 4ª Rodada
Estádio Rei Pelé - Maceió - CRB 2 x 1 CSA - 5ª Rodada
Estádio Olival Elias de Morais - Boca da Mata - Santa Rita 4 x 1 CEO - 7ª Rodada
Estádio Gérson amaral - Coruripe - Coruripe 1 x 0 Murici - 8ª Rodada
Estádio Rei Pelé - Maceió CRB 5 x 0 - 9ª Rodada
Estádio Arnon de Melo - Santana do Ipanema - Ipanema 1 x 0 Santa Rita - 10ª Rodada
Dênis Ribeiro Serafim
Idade: 29 anos, irá completar 30 em 5 de junho de 2015.
Natural de Maceió/AL
Profissional Autônomo
Assim como Ricardo Laranjeira, Dênis trabalhou em seis jogos no Campeonato Alagoano deste ano em seu segundo turno, deu 29 cartões amarelos e apenas um vermelho. 
O fato que mais chamou a atenção,  é ter sido escalado por quatro vezes em jogos do CSA onde o time azulino do Mutange venceu 3 e empatou um. 
O retrospecto do Dênis nestes 6 jogos têm, dois empates, três vitórias de vizitantes e apenas uma de mandante.
Confira os jogos e suas respectivas rodadas:
Estádio Arnon de Melo - Santana do Ipanema - Ipanema 0 x 3 CSA - 2ª Rodada
Estádio Rei Pelé - Maceió - CSA 1 x 0 Murici - 4ª Rodada
Estádio Coaracy da Mata Fonseca - Arapiraca - ASA 2 x 2 CEO - 5ª Rodada
Estádio José Gomes da Costa - Murici - Murici 1 x 3 CSA - 7ª Rodada
Estádio Juca Sampaio - Palmeira dos Índios - CSE 1 x 1 CSA - 9ª Rodada
Estádio Arnon de Melo - Santana do Ipanema -  CEO 0 x 1 Murici - 10ª Rodada

CLIQUE AQUI  e acompanhe a ata oficial do sorteio que indicou os árbitros destas grandes finais e  também todos os árbitros sorteados na foto abaixo:
Espero ter ajudado um pouco ao leitor do NM a conhecer os árbitros centrais que irão comandar as partidas decisivas do Alagoano 2015.

Desejamos ao Laranjeira e ao Dênis e aos demais árbitros boa sorte, que Deus abençoe os seus respectivos jogos e que eles consigam legitimar os resultados sem nenhuma problema.

APOIO:
PARCEIROS NA MIRA

quinta-feira, 30 de abril de 2015

VAI COMEÇAR O FUTEBOL AMADOR DE ALAGOAS, E AS TAXAS DE ARBITRAGEM DE 2014? QUEM VAI PAGAR?

"...O Estadual sub-20 terá início, agora, no dia 02 de maio..."

Esta frase esta inserida em uma matéria postada no site da Federação Alagoana de Futebol, a FAF. Até ai tudo bem, pois as competições amadoras já deviam está em pleno vapor, e a notícia trás informações de seu inicio.
Mas o NM gostaria de perguntar ao Presidente da FAF, Felipe Feijó, como ele pretende gerir financeiramente estas competições Amadoras em 2015? 
Mesmo tendo em vista que se tenha um Vice Presidente na pasta, só quem pode garantir o aporte financeiro  para viabilizar a competição é o próprio Presidente. Todos nós sabemos que o futebol amador de Alagoas precisa do apoio de todos e principalmente financeiro da entidade para poder dar condições mínimas de realização. Falo isso em relação as taxas de arbitragem de 2014 que ainda não foram acertadas pela FAF. A "Casa do Futebol" esta devendo ao árbitros os vencimentos do sub-15, 17 e 20 do ano passado.
Será que irá começar outra competição sem acertar a dívida anterior?
O SINDAFAL (Sindicato de Árbitros de Futebol de Alagoas), que tem como Presidente o atuante Árbitro Charles Hebert , continua inerte. 
A CEAF (Comissão de Arbitragem de Alagoas) presidida por Hércules Martins, finge que não tem nada a ver com a situação, sem perder a empáfia nas reuniões, encontros e a pressão exercida sobre estes "coitados" árbitros, que mais parecem um  "bando" de parasitas submissos, que não se manisfestam por medo da represália, da perseguição e por muitas vezes a exclusão do processo.
O mais absurdo disso tudo, diga-se de passagem, é que além dos Amadores Masculinos, ainda podemos acrescentar na dívida ativa da Federação Alagoana de Futebol as taxas de arbitragens do combalido Futebol Feminino  que há DOIS anos não são pagas pela FAF.
Os dois "mudos" Presidentes, Charles Hebert(SINDAFAL) e Hércules Martins(CEAF)

Se fosse Presidente da CEAF tinha até vergonha de escalar e cobrar dedicação aos árbitros nestas competições. 
Isso é um absurdo.

A nós, simples mortais, só nos resta perguntar:
Quem irá se pronunciar neste caso? 
Quem irá cobrar a Federação uma atitude imediata? 

A imprensa de uma forma geral não fala nada, quer dizer, falar fala, mas só do que é conveniente.
Enquanto não se tem resposta, vamos ao início da competição. 
foto divulgação FAF -  O "Mãos atadas", João Batista, Vice Presidente de Futebol Amador da FAF
Se vocês amigos internautas observarem direitinho irão perceber em nosso slide no início do blog uma cobrança deste mesmo fato ainda em 2014 quando o Presidente era Gustavo Feijó, hoje Vice-Presidente da Região Nordeste para a CBF.

Como diz a minha amiga Fernandinha(Fernanda Medeiros/Jornalista Gazeta de AL):
#rapazmelhorevá  

APOIO:

quarta-feira, 29 de abril de 2015

ATÉ QUE NOS PROVE O CONTRÁRIO, TROCAR A ARBITRAGEM DA SEMI-FINAL FOI UMA AÇÃO ILEGAL DA FAF E SUA SUBSERVIENTE CEAF

Esperei até agora, (aproximadamente ás 20h desta quarta-feira(29) para me posicionar em relação a troca do quinteto de arbitragem da partida envolvendo o ASA e o CRB pela segunda partida da fase Semi-final do Alagoano 2015 que será realizada hoje em Arapiraca, pois estava esperando o desfecho desta ação e se alguém ou alguma entidade se manisfestaria contrária a decisão da FAF.

O fato aconteceu porque o ASA se sentiu prejudicado com a atuação do árbitro Francisco Carlos do Nascimento, o Chicão, na primeira partida da semi-final onde o time arapiraquense perdeu para o CRB no Rei Pelé por 2 a 0. Segundo o Presidente do Alvi-negro alagoano, Bruno Euclides, o árbitro foi muito mal na partida e disparou contra Chicão em matéria no Globo Esporte.com, dizendo:

"Não fosse a arbitragem, eu acredito que o resultado poderia ter sido diferente. Infelizmente, com 10 minutos de jogo o Chicão amarelou a nossa dupla de volantes, depois expulsou o Cal injustamente, e isso comprometeu totalmente o resultado da partida..."

Na mesma matéria, Bruno Euclides, já sinalizava para a mudança do quinteto que estava escalado e que tinha Charles Hebert Cavalcante como árbitro principal da partida. Como já tínhamos registrado na matéria anterior sobre o mesmo assunto, disse o Presidente:

"...Se a federação quiser manter a lisura e a moral desse campeonato, tem que trazer arbitragem de fora. E o ASA já está solicitando. Infelizmente, vamos ter que fazer das tripas coração, comprometendo de alguma forma as nossas despesas."

E foi justamente o que aconteceu. E no final da tarde da segunda-feira(27) a Presidência da Federação Alagoana de Futebol com a conivência e a subserviência de sua CEAF cometeram o despautério de atender o pedido "atrasado" de seu filiado segundo o Regulamento do Campeonato Alagoano 2015 que prevê que o pedido seja feito em 72h de antecedência.
Este é o entendimento do Notícia na Mira, que acredita diante dos fatos que a atitude não teria sido legal, e que abre um precedente muito grande no âmbito jurídico da questão, podendo inclusive vim acarretar danos irreparáveis a competição. 
Muito diferente do que atestou o TJD-AL (Tribunal de Justiça Desportiva de Alagoas) que através do seu Presidente apresentou um parecer favorável a tal ação através de uma resposta a consulta feita pela FAF. Documentos esses que precisam ser divulgados para que possamos tentar entender os seus argumentos e também uma forma de esclarecer ao torcedor e a toda sociedade em geral, até como forma de evitar comentários e opiniões adversas, já que o TJD alegou legalidade, deveria apresentar para a imprensa os seus argumentos e onde estão inseridos os artigos que atestam que o processo feito pela FAF é legal. Como eu disse no título, até que nos prove o contrário, a ação na visão do NM é ilegal.
Como a nossa opinião está formada sobre este assunto, bem como o espaço aberto para os citados se manifestarem no intuito de tornar transparente as ações promovidas pelas entidades, finalizaremos está matéria expondo nosso real ponto de vista.

Mesmo com a mudança de comando recentemente, continuamos tendo uma Federação que se omiti diante das pressões exercidas pelos grandes clubes do nosso futebol, fato esse que devemos nos acostumar mais uma vez, pois será uma tônica também desta nova gestão, a não ser que as próximas atitudes sejam coerentes a legalidade das ações e mude a velha prática da antiga gestão.

A CEAF-AL é o grande pilar de toda essa ilegalidade, pois se atendesse a recomendação da C.A.CBF, não teria realizado tal sorteio. A mim não surpreende, pois a muito tempo estamos trazendo a tona como a nossa arbitragem vem sendo tratada pela atual gestão, que com mais esta subserviência, demonstra a sua fraqueza em tomar decisões coerentes a sua pasta, tudo em troca mais uma vez de se manter no poder, principalmente agora com um novo Presidente precisa renovar seu estoque de conivências, além disso carrega a culpa neste caso de não uniformizar os entendimentos da arbitragem nacional, pois não seria necessário que fosse feito o sorteio da segunda partida antecipadamente, um erro, bem como diz o Estatuto do Torcedor, ele(o sorteio) bem que poderia ter sido realizado na segunda-feira(27) 48 horas antes da partida, logo após o desfecho das partidas do final de semana, contrariando mas uma vez as disposições administrativas da CBF, a entidade que deveria ter sido obedecida neste caso.

Ainda no segmento arbitragem, vocês pensavam que eu ia me esquecer do Sindicato e seu Presidente atuante? Se enganaram, pois também não entendemos o porque de tanta inércia, ou seria porque o próprio Presidente esta envolvido em todo processo, como mesmo disse, ele é um árbitro atuante e por coincidência no caso, o árbitro substituído no processo.

E por fim, tentar entender como a Presidência do TJD-AL achou um argumento diante tantos fatos desfavoráveis, gostaria mesmo era de entender o porque o Tribunal se mete nestes assuntos, pois com estas atitudes fragilizam o Departamento Jurídico da FAF, este sim seria o órgão que deveria dar parecer sobre o caso e não o Tribunal. Das duas uma, ou o Departamento não tem competência para tal, ou tentaram fortalecer o argumento usando a credibilidade do tribunal.

Que os Dirigentes que fazem a nossa Federação não me levem a mal, mas tenho certeza que a "Casa do futebol" na noite desta quarta-feira(29) quando a bola rolar no "Fumeirão" irá torcer ferrenhamente pelo Clube de Regatas Brasil, pois uma desclassificação do regatão poderá acarretar em um imbróglio jurídico sem proporções, basta um torcedor só entrar com uma ação contra a atitude da Federação que o nosso campeonato irá parar nos tribunais.
Vamos aguardar e torcer para o CRB. Não é Federação?
Bem, se conseguir me comprovar que foi legal, tenta também me convencer que não foi imoral. Ok?

APOIO:

terça-feira, 28 de abril de 2015

CORURIPE DESBANCA O CSA NO REI PELÉ E ESTÁ NA FINAL DO ALAGOANO

foto: Thiago Davino

Estratégica. Assim deve ser definida a atuação do Coruripe na noite desta segunda-feira contra o CSA. Com gols de Djalma e Aurélio, ambos no primeiro tempo, o time do técnico Lorival Santos derrotou o adversário, mesmo jogando com o Estádio Rei Pelé lotado de azulinos. Samuel descontou em favor dos donos da casa, aos 11 minutos da etapa final. Com a vitória, a equipe do litoral sul chega à final do Campeonato Alagoano e carimba o passaporte para a Série D do Campeonato Brasileiro, no segundo semestre. De quebra, garante vaga nas Copas do Nordeste e do Brasil do próximo ano.
Agora o Hulk espera o seu adversário na final que sairá nesta quarta-feira(29) entre o ASA e CRB no estádio Coaracy da Mata Fonseca em Arapiraca.
Técnico Lorival Santos do Coruripe
Hino Nacional
FICHA TÉCNICA

GRANDE DESTAQUE DA PARTIDA
Aurélio marca o segundo gol do Coruripe (Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)
Meia Aurélio comemorando o segundo gol do Coruripe. Foto: Aílton Cruz

APOIO:

domingo, 26 de abril de 2015

ASA PEDIU ARBITRAGEM DE FORA PARA PARTIDA DE QUARTA. ISSO É LEGAL?

A Federação Alagoana de Futebol informa que a direção executiva do ASA solicitou, hoje, após a partida no Estádio Rei Pelé, arbitragem de outro Estado para o jogo de volta contra o CRB, nesta quarta-feira, 29, válida pela semifinal do Campeonato Alagoano 2015. O sorteio acontecerá às 14h30 na sala da Comissão Estadual de Arbitragem (CEAF/AL). O jogo entre ASA X CRB vai ser disputado no Estádio Municipal Coaracy da Mata Fonseca a partir das 22h.

Acabei de receber este e-mail da Assessoria de Imprensa da FAF nos informando que o ASA solicitou arbitragem de fora, e logo me veio a pergunta:

Isso é um processo legal?


No Artigo 29º do Regulamento do Alagoano diz que o prazo é de 72h, neste caso a Federação teria acatado uma possível solicitação da direção do ASA via e-mail neste inicio da noite deste domingo(26), o que já seria um absurdo levando em conta que o expediente da FAF só retornará nesta segunda-feira(27) ás 13h.

Mas esse nem é o motivo principal da minha indagação, pois já vimos tanto a nossa Federação burlar os  seus documentos e regulamentos para beneficiar A ou B que nem seria uma coisa de outro mundo receber um pedido via internet, mas sim o fato de está infringindo a Lei mais uma vez.
A lei que cito é o Estatuto do Torcedor que em seu Artigo 5º parágrafo V diz:
Art. 5o São asseguradas ao torcedor a publicidade e transparência na organização das competições administradas pelas entidades de administração do desporto, bem como pelas ligas de que trata o art. 20 da Lei no 9.615, de 24 de março de 1998.
§ 1o As entidades de que trata o caput farão publicar na internet, em sítio da entidade responsável pela organização do evento: (Incluído pela Lei nº 12.299, de 2010).
V - a escalação dos árbitros imediatamente após sua definição; e (Incluído pela Lei nº 12.299, de 2010).
A ATA de sorteio divulgada no site da FAF

Isso significa que se a Lei diz que o administrador do evento tem que divulgar após definição é lógico que não se pode mudar, a não ser que algo excepcional aconteça.

Tudo isso se motivou por causa da atuação do Árbitro Francisco Carlos do Nascimento na partida deste domingo onde a Diretoria do ASA alega ter sido prejudicado pelo "Apitador".
Vejam o que disse o Presidente Bruno Euclides (foto)ao Globo Esporte.com:
Bruno Euclides, presidente do ASA (Foto: Viviane Leão/GloboEsporte.com)
- Eu acho que, pelo que foi jogado dentro das quatro linhas, a gente viu nove jogadores jogarem muito mais que dez. Não fosse a arbitragem, eu acredito que o resultado poderia ter sido diferente. Infelizmente, com 10 minutos de jogo o Chicão amarelou a nossa dupla de volantes, depois expulsou o Cal injustamente, e isso comprometeu totalmente o resultado da partida - comentou.

Ele foi enfático e garantiu que, enquanto estiver à frente do clube, Francisco Carlos do Nascimento não apita mais jogos do Fantasma.  

 - A gente deu um voto de confiança e mais uma vez foi isso que aconteceu. Mais uma vez o Chicão prejudica o ASA. Enquanto estivermos à frente do clube, o árbitro Francisco Carlos do Nascimento não apita mais jogos da gente - assegurou.

E finalizou dizendo e lembrando o que aconteceu ontem em Coruripe onde também segundo a Diretoria do Hulk, o Árbitro José Reinaldo Figueiredo também teria sido tendencioso a favor do CSA, prejudicando o atual campeão Alagoano, expulsando dois atletas e amarelando mais dois que estavam pendurados, sem contar que teria deixado de marcar um penal claro a favor do time da casa, lá foi uma zorra só, teve até Presidente de honra da equipe dando declarações pesadas nas rádios de Maceió, chamando o árbitro de Palhaço e Ladrão, dizendo também que a Federação estaria armando uma final entre o CRB e o CSA, o ex-Dirigente chegou inclusive a afirmar que tiraria o time do Campeonato. Vejam o que disse o Presidente do ASA finalizando a entrevista.

- É um fato lamentável o que ocorreu no jogo de hoje. Aconteceu no jogo de ontem também [Coruripe e CSA], e a Federação Alagoana de Futebol precisa tomar uma atitude. Se a federação quiser manter a lisura e a moral desse campeonato, tem que trazer arbitragem de fora. E o ASA já está solicitando. Infelizmente, vamos ter que fazer das tripas coração, comprometendo de alguma forma as nossas despesas - finalizou.Citando o outro confronto da fase semifinal do estadual - entre Coruripe e CSA -, Euclides disse que a Federação Alagoana de Futebol precisa tomar providências quanto ao trabalho dos árbitros, e adiantou que o ASA vai solicitar arbitragem Fifa para o segundo jogo da semifinal, na próxima quarta-feira, às 22h, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca.
Francisco Carlos do Nascimento e José Reinaldo Figueiredo, são os dois árbitros acusados de terem prejudicados as equipes do Coruripe e ASA nestas semifinais, como disseram os Dirigentes.

O que me deixa receoso disso tudo é que agora qualquer torcedor comum poderá entrar na justiça e paralisar a competição, pois a arbitragem já foi definida e divulgada no site da Federação Alagoana de Futebol, o que dá o Direito liquido e certo para quem o quiser reivindicar. 
E o pior de tudo isso é que a CEAF-AL ainda irá sortear na tarde desta segunda-feira(27), como disse o e-mail enviado pela Assessoria de Imprensa da FAF. Colocando uma pá de cal na arbitragem alagoana. É o Fim.
Eu pergunto: Quando isso irá parar no nosso futebol?
APOIO:

CAMPEONATO BARRENSE CONHECEU NESTE DOMINGO SEUS FINALISTAS

Duas partidas disputadíssimas marcaram hoje as Semi Finais do campeonato Barrense 2015 que está sendo disputado no Estádio Andradão na cidade da Barra de São Miguel. No primeiro jogo o Saco Mucho suou muito para vencer o São Sebastião por 1 a 0 e na outra partida o Fábrica encarou de igual para igual o Juventude e saiu vitorioso nos pênaltis por 5 a 4 após empatar em 0 a 0 no tempo normal em 0 a 0.
Agora os confrontos das finais terá o São Sebastião enfrentando o Juventude as 8h do próximo domingo na disputa do terceiro lugar, e o Saco Mucho encarando o Fábrica na grande final ás 10h. Dois jogos de tirar o fôlego e movimentar o balneário mais lindo do país.

Acompanhe agora algumas fotos desta manhã no Andradão:







APOIO:

sábado, 25 de abril de 2015

CORURIPE PAGA CARO POR SOLICITAR ARBITRAGEM DE FORA

A companheira Olga Duarte da Rádio Martins FM realizou o sorteio desta sexta-feira(24)
A Comissão Estadual de Arbitragem de Alagoas (CEAF/AL) sorteou na tarde de hoje o quinteto (isso mesmo, quinteto) de Árbitros para a segunda partida entre CSA x Coruripe (jogo de volta na próxima segunda-feira). 

CLIQUE AQUI PARA VER ATA DO SORTEIO

Dentro do seu direito e conforme o Regulamento do Campeonato a equipe do Coruripe solicitou Árbitro e Assistentes da FIFA. Mas a “escala” do Quarto e Quinto-Árbitro também do quadro da FIFA deixa transparecer que a CEAF/AL não gostou da solicitação.

Será que havia necessidade de trazer o Árbitro FIFA DEWSON FERNANDO FREITAS do Estado do PARÁ? E o que dizer da necessidade de se trazer um Quinto Árbitro do Quadro da FIFA? Detalhe, esta é a PRIMEIRA VEZ na História do Futebol Alagoano que teremos um Quinteto formado por árbitros do quadro da FIFA. A propósito, em outros Estados que geograficamente ficam mais perto de Alagoas têm árbitros da FIFAMas o preço da passagem com certeza seria menor.

CEAF/AL também poderia ter escalado como Quarto e Quinto Árbitros profissionais das Federações mais próximas e que não precisaria ser do Quadro da FIFA. Achando que o castigo ao Coruripe ainda não era suficiente, o Presidente da CEAF/AL se auto escalou como Delegado Especial. 
Quanto vai custar o Castigo para a Equipe do Coruripe?
Vamos utilizar a Tabela de TAXAS CBF da Copa do Brasil 2015 E O SIMULADOR de passagens do Site Destinos.com 
  
Agora vejam o que diz o Regulamento do Campeonato Alagoano de 2015 sobre arbitragem: 

Art. 29º - A arbitragem das partidas da competição ficará sob a responsabilidade da Comissão Estadual de Arbitragem-CEAF/FAF. 

Parágrafo Único: As associações disputantes da competição terão o direito de solicitar à CEAF, a indicação de Árbitros filiados às outras Federações, desde que a faça através de oficio até 72 horas antes da partida, se responsabilizando por todas as despesas decorrentes da arbitragem solicitada. O Pagamento terá que ser efetuado no ultimo dia anterior à realização da partida solicitada, sob pena de perca dos pontos da partida por parte da equipe solicitante em favor da equipe adversária. 

Observem que o artigo não faz NENHUMA referência para Árbitros FIFA. Isso quer dizer que mesmo o Coruripe solicitando Árbitros do Quadro da FIFA, a CEAF/AL poderia ter colocado os reservas (Quarto e Quinto Árbitro) das Federações próximas e do Quadro da CBF. Mas o castigo para o Coruripe sairia mais barato. E o que dizer da necessidade de um Delegado Especial e que auto se escala? Desnecessário! 

Em mais uma demostração de autoritarismo e arrogância  o comando da CEAF nos mostra como vem administrando a arbitragem alagoana. Ainda bem que existe o Notícia na Mira para não deixar passar em branco esses excessos de poder e desmando dos nossos dirigentes alagoanos. 

Ai estão os valores das taxas de arbitragem praticadas pela CBF na Copa do Brasil.Compare:
APOIO: